Siran
Notícias

28/08/2019- Produtores de Coroados participam de curso sobre aquaponia


Produtores rurais de Coroados (SP) participaram de um curso sobre aquaponia promovido pelo SIRAN (Sindicato Rural da Alta Noroeste), em parceria com o SENAR-SP (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural). O objetivo foi promover o aprimoramento do manejo e os índices de produtividade e sustentabilidade de forma contínua.


A aquaponia é um sistema que associa a produção de hortaliças com a criação de peixes. O alimento das plantas vem dos excrementos dos animais e de restos de ração – materiais orgânicos absorvidos pelos vegetais. Nesse ciclo, a água acaba sendo reutilizada, uma vez que passa pelas hortaliças com a matéria orgânica e volta purificada para os peixes. Além de promover mais produtividade e otimização de recursos na propriedade, a aquaponia também se destaca pela sustentabilidade.

Os 16 participantes puderam aprender tudo sobre o cultivo, na teoria e prática, e montaram uma estrutura modelo. O engenheiro agrônomo e instrutor do Senar-SP, Odenir Rossafa, diz que a técnica apresenta diversas vantagens. “A aquaponia pode ser utilizada para cultivar uma série de hortaliças, como tomate, por exemplo.  É um sistema mais barato que o hidropônico e cabe em qualquer perfil de propriedade, até mesmo lotes dentro da cidade, com sistemas compactos que utilizam caixas d’água”, explica.

“Durante as aulas, nós criamos um projeto-piloto que tem capacidade de produzir 192 pés de hortaliças, e, ao mesmo tempo, cerca de 35 kg de peixes. O peixe utilizado é a tilápia, originária do rio Nilo, e o seu ciclo dura aproximadamente 6 meses, ou seja, com duas safras ao ano. Já a alface tem ciclo de 21 dias, ou seja, três semanas, e por isso a produção não para”, finaliza Rossafa.

As capacitações promovidas pelo SIRAN em parceria com o Senar-SP contam com apoio da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CDRS) e das respectivas prefeituras.
 
Fonte: Marcelo Teixeira

Compartilhe:

Cadastre seu e-mail e receba novidades