Siran
Notícias

11/01/2019- Saiba sobre as formas de pagamento do Funrural


O Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural (Funrural) é um imposto de previdência que traz segurança sobre os direitos do trabalhador rural. No dia 1º de janeiro ficou vigente que o produtor poderá escolher entre duas formas de fazer o recolhimento do imposto. São elas:

- Recolhimento de 20% sobre a folha de pagamento, mais terceiros. Possível de realizar através da Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS) e de Informações à Previdência Social (GFIP);

- Recolhimento sobre receita de comercialização, calcula um valor fixo de 1,3% (para pessoa física) ou 2,5% (para pessoa jurídica), através do Sistema Empresa de Recolhimento  do FGTS e Informações à Previdência Social (SEFIP).

Segundo o contabilista do Sindicato Rural da Alta Noroeste (Siran), Antônio Carlos Goveia, a definição sobre uma dessas opções deve ser feito no pagamento da primeira guia. Após o pagamento, não se consegue alterar a escolha durante o calendário de 2019.

Informações de datas aguardam a decisão da Receita Federal, mas é importante que todo produtor procure um contabilista para analisar qual é o melhor caminho e se manter informado sobre os prazos. Lembrando que o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) permanece sobre a comercialização com 0,2%.

Os impostos do Funrural são obrigatórios para todo produtor, pessoa física e jurídica. Os agricultores familiares são enquadrados na categoria de Segurado Especial, sua contribuição é calculada com base no resultado da comercialização da produção.

SERVIÇO

O Siran oferece para associados o departamento de contabilidade, fiscal e previdenciário. Para mais informações ligue no telefone (18) 3607-7826.

Fonte: Bruna Domingos - Facilita Conteúdo / Assessoria de comunicação do Siran

Compartilhe:

Cadastre seu e-mail e receba novidades