Siran
Notícias

12/04/2019- Diretores do SIRAN acompanham em Avaré competição equestre que passará a ser realizada em Araçatuba


Diretores do SIRAN (Sindicato Rural da Alta Noroeste) estiveram nesta semana em Avaré (SP) acompanhando o Congresso 2019 da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Quarto de Milha (ABQM). O objetivo foi ver de perto os detalhes da organização do evento, e desde já pensar em aprimoramentos para as competições que serão realizadas três vezes por ano em Araçatuba, a partir de julho. 

“Aproveitamos a ocasião para estreitar ainda mais o relacionamento com a ABQM, que é a nossa grande parceira nos três eventos que Araçatuba passará a sediar todos os anos, a partir de agora”, comentou o presidente do SIRAN, Fábio Brancato.  “Checamos tudo o que diz respeito à infraestrutura, como instalações elétricas e hidráulicas, baias, tatersal, pistas, posicionamento dos estandes.  Precisamos agilizar o processo, afinal de contas, estamos a apenas dois meses e meio do primeiro evento da ABQM em Araçatuba”. 

Brancato esteve acompanhado dos diretores Manoel Afonso e Arnaldo Vieira Filho, que também são, respectivamente, secretário municipal de Governo e assessor executivo da secretaria municipal de Desenvolvimento Agroindustrial. A prefeitura de Araçatuba também é parceira do sindicato e teve papel determinante na vinda dos eventos para a cidade. “O SIRAN e a prefeitura trabalham de mãos dadas para fomentar eventos relacionados ao agronegócio, que é a vocação histórica de Araçatuba. Os eventos da ABQM vão promover de forma significativa o desenvolvimento do município e da região”, afirma Afonso.

Também participaram da visita a representante comercial do SIRAN, Ana Bréfore, o engenheiro civil Antônio Cunha, da empresa AC Con, responsável pelo gerenciamento das obras no recinto de exposições Clibas de Almeida Prado, e os arquitetos Amauri Júnior e Marcelo Soubhia, que conceberam o projeto das novas benfeitorias e reformas do local.

Realizado no parque de exposições Fernando Cruz Pimentel, em Avaré, de 8 a 14 de abril, o Congresso do Quarto de Milha chega a movimentar cerca de R$ 7 milhões na economia local, segundo os organizadores. Reúne cerca de 300 expositores de diversas regiões do país, e conta com a visita de 5 mil pessoas por dia.

Números

O contrato da parceria entre o SIRAN e a ABQM tem prazo de duração de 10 anos. Neste período, o sindicato pretende investir entre R$ 25 milhões e R$ 30 milhões em benfeitorias no recinto de exposições, incluindo as três pistas de provas que estão sendo construídas, com 6 mil m2 cada uma, e de outras três pistas de aquecimento (que também estão em construção), com 3,2 m2, sem cobertura.

A competição que ocorrerá entre os dias 20 e 30 de julho (Campeonato Nacional do Quarto de Milha), vai contar com 19 modalidades, deve reunir mais de 6 mil inscrições, e aproximadamente 2 mil animais. Em relação ao público, são esperadas 5 mil pessoas por dia de evento. Cálculo da ABQM indica que serão necessários 3 mil leitos da rede hoteleira para acomodar os frequentadores de cada evento. Ainda segundo a associação, o projeto de Araçatuba é o maior da América Latina relacionado a provas equestres.

Em agosto deste ano, a associação comemora 50 anos de fundação, e pretende celebrar a data justamente no primeiro evento a ser realizado em Araçatuba, em julho. Além desta competição, a entidade realiza em abril o Congresso do Cavalo Quarto de Milha, e, em outubro, o Potro do Futuro e a Copa dos Campeões e Derby.

O SIRAN

Criado em 25/10/ 1942, O Sindicato Rural da Alta Noroeste foi do pioneirismo dos produtores rurais, responsáveis direto pelo desenvolvimento da cidade e que tinham uma visão do futuro. Inicialmente, o grupo formou a Associação de Invernistas e Criadores da Alta Noroeste, com a finalidade de constituir uma sociedade para a defesa dos interesses da classe, tendo sido então escolhida, por aclamação, a diretoria liderada por Carlos Soares de Castro. De lá para cá, o sindicato vem desenvolvendo um trabalho de união entre os produtores rurais, somando esforços para defender a classe produtiva.

Atualmente, o SIRAN representa produtores de Araçatuba, Santo Antônio do Aracanguá, Guararapes, Nova Luzitânia, Gabriel Monteiro, Gastão Vidigal e Rubiácea. A entidade é uma referência na prestação de serviços para a classe produtiva rural, quer seja na área de assessoria e orientação, bem como de representatividade na luta dos interesses de seus associados.

Fonte: Marcelo Teixeira

Compartilhe:

Cadastre seu e-mail e receba novidades