Encontro de bovinocultura de corte é realizado em Araçatuba
28 de abril de 2024

Pró-Leite será realizado em Araçatuba

O SIRAN e o sistema FAESP/Senar-SP (Federação da Agricultura do Estado de São Paulo e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) estão convidando os produtores rurais de Araçatuba (SP) e região, para um seminário de sensibilização do programa Bovinocultura Leiteira (Pró-Leite). O evento será realizado no dia 1º de fevereiro (quinta-feira), a partir das 10h, no auditório do recinto de exposições Clibas de Almeida Prado.

O programa vai de fevereiro a novembro, com seis horas/aula por dia de atividade. São realizadas de quatro a seis dias de aulas por mês, de acordo com o tema.

O zootecnista e instrutor Ademir Pereira Martins Junior comenta que a programação inclui planejamento e gerenciamento da propriedade leiteira, alimentação do gado, manejo intensivo da pastagem, irrigação, pastagem de inverno, cerca elétrica, sanidade, manejo de vacas e touros, formação, manejo e colheita do canavial, manejo de ordenha e qualidade do leite, manejo de bezerras e novilhas e formação e manejo de pastagem.

No Estado de São Paulo, o programa existe há 16 anos e vem mudando a realidade de pequenos e médios produtores do Estado. “O programa visa exatamente isso, viabilizar o produtor, mostrando que, com pastagem e cana existe rentabilidade em propriedades leiteiras”, afirma Martins Júnior.

Martins Júnior destaca também que no programa o produtor de leite é orientado a diversificar a produção, pois no momento que um produto estiver em baixa, ele pode buscar renda em outro.

Os interessados em participar das ações do SIRAN e do Senar-SP devem ligar ou enviar WhatsApp para a entidade, no telefone (18) 3607-7826 ou no celular (18) 98826-5100, e falar com Carlos Belluzzo ou Rebecca.

O SIRAN

Criado em 25 de outubro de 1942, o SIRAN é fruto do pioneirismo dos produtores rurais, responsáveis diretos pelo desenvolvimento da cidade. De lá para cá, o sindicato vem desenvolvendo um trabalho de união entre os produtores rurais, somando esforços para defender a classe produtiva. Atualmente, o SIRAN representa produtores de Araçatuba, Santo Antônio do Aracanguá, Guararapes, Nova Luzitânia, Gabriel Monteiro, Gastão Vidigal e Rubiácea.